Boas maneiras no Monte Roraima

3878

O Monte Roraima tem sido visitado com maior intensidade nos últimos anos, tanto por brasileiros, europeus e por toda galera do resto do mundo. Sabemos que todo destino turístico exige determinadas condutas. No Monte Roraima não é diferente.

A euforia da viagem e empolgação durante a trilha, pode fazer pequenos detalhes passarem despercebidos. Por isso, resolvi elaborar essa lista de “lembretes” somente para ajudar o viajante a não cometer deslizes durante a viagem para o Monte Roraima.

monte-roraima

 

As boas maneiras no Monte Roraima

 

O briefing inicial

Independente da agência que escolher, existirá um briefing. Esse bate papo-papo inicial é bastante importante, principalmente para quem estiver com dúvidas. Nesse primeiro encontro é passado o cronograma e o roteiro da trip, portanto, é essencial que o viajante esteja ciente do que está ou não incluso no serviço contratado. Então, preste atenção em toda explicação e questione!

 

Respeito com os guias e carregadores

Durante toda o trekking para o Monte Roraima, o viajante terá a companhia de guias e carregadores. E, por mais que o mochileiro esteja pagando pelo serviço, lembre-se: trate-os com extremo respeito. A maioria é indígena e possui uma vida duríssima, trabalham exaustivamente, e claro, carregam durante o trekking dezenas de quilos nas costas. Eles são fechados e de pouca conversa, mas são gente boa e estão lá para trabalhar. Dê bom dia e agradeça-os ao final de cada jornada diária. Se puder, dê uma gorjeta no final da trip. É legal! 🙂

monte-roraima-1

Saco de lixo

Infelizmente, é fácil de se encontrar lixo pela trilha. Portanto, saco de lixo é um item obrigatório na bagagem para o Monte Roraima.

 

Sabonete biodegradável

Jamais use sabonete comum! Durante a trilha para o Monte Roraima, o viajante irá tomar banho em rios e jacuzzis. Sabendo disso, leve sabonete biodegradável.

 

Caminhe somente pelas trilhas

Todo o percurso para o Monte Roraima é autoguiado, ou seja, não há necessidade de criar novas alternativas. Além disso, espécies de animais e plantas estão por toda a parte. Mantenha-se na trilha para causar menos impacto ambiental.

 

Não leve nada além de fotografias

A fiscalização no Monte Roraima é precária e qualquer pessoa com má fé pode sair de lá com uma “lembrancinha”.

É importante que o viajante tenha consciência ecológica e ter a noção de que, um cristal não vai mudar a vida e muito menos trazer sorte. Atitudes assim só causam à degradação do Monte Roraima. Os cristais estão naquele lugar há 02 bilhões de anos, e não é justo que sejam retirados de lá para virarem acessórios. Concorda? Não levem nada além de fotografias e recordações. Já pensou se todos pegarem algo? Seja exemplo!

monte-roraima-vale-dos-cristais

Entenda o ritmo de cada um

O trekking para o Monte Roraima não é uma competição. Não estresse com quem andar devagar e não se sinta subestimado com quem chegar primeiro. O trekking tem o objetivo de proporcionar uma experiência fantástica, apenas isso.

 

Respeitar seus medos

Não ignore seus medos, principalmente no topo do Monte Roraima. Caso tenha pavor de altura e não se sinta confortável em determinadas situações, respeite o seu limite. Ninguém é obrigado a ir à pontinha do tepuí e olhar para baixo. Não há necessidade de se arriscar para ter uma foto perfeita.

A maior recompensa é a sensação de estar no topo do Monte Roraima. Além disso, é possível ter fotos incríveis sem risco algum. Não se preocupe com isso. 🙂

posts-roraima

Saiba mais sobre o Monte Roraima. Veja o índice!



Rafael Kosoniscs tem 32 anos, é paulista, publicitário, guia de turismo, blogueiro e estudante de jornalismo. É viciado em viagens de mochilão — seja em cidades ou em meio à natureza. Tem o montanhismo como paixão, sonha em dar a volta ao mundo e escrever um livro.


24 comentários em “Boas maneiras no Monte Roraima

  1. Brenda Rodrigues

    Concordo muito com tudo que disse! Mas, com certeza, muitas pessoas não terão consciência destas coisas.

    Reply
  2. Isa

    Post muito legal! Pelo menos vc está fazendo a sua parte em tentar preservar o Monte Roraima. No grupo que fui, não tivemos problemas, mas os guias contaram várias histórias sobre turistas que carregam os cristais, principalmente os estrangeiros ricos que vão de helicóptero e não passam por nenhum tipo de fiscalização.
    Em relação ao sabonete, eu levei um biodegradável, mas ele voltou intacto hahah só tomei banho de gato lá… ô lugar frio!! kkk

    Reply
    1. Rafael Kosoniscs Post author

      Olá, Isa! Eu me senti na obrigação de fazer essas recomendações, acho que é o mínimo que posso fazer para ajudar. Recentemente vi um post no instagram de um sujeito se gabando com um desses cristais roubados, dizendo que traria sorte e etc. Até arrumei confusão, não aguentei! E pior, o cara é biólogo! É o fim do mundo, não?! Só de pisar nos cristais já dá uma sensação de degradação, não é mesmo? Imagine roubar! E concordo contigo sobre o banho, é muito geladooo! kkk

      Reply
  3. MARIO CESAR DE BARROS

    PREZADO, MUITO BOA TARDE

    VC PODERIA ME INFORMAR QUAL A MELHOR EPOCA DO ANO PARA VISITAR O MONTE RORAIMA, ASSIM COMO
    CONTATO DE ALGUMA AGENCIA QUE ORGANIZE O TAL PASSEIO. ESTAREI DE FERIAS AGORA EM SETEMBRO 2014, E GOSTARIA DE OBTER ESTA OBSERVAÇÃO.

    MUITO OBRIGADO.

    Reply
  4. Ricardo

    Boa Tarde Rafael, valeu pelo site e pelas dicas!
    Estou pensando em fazer a trilha, você recomenda alguma agência, ou guia?
    Devo tomar alguma outra vacina, além da vacina contra febre amarela?
    Basta a identidade, ou devo ter passaporte?

    Obrigado, Ricardo

    Reply
  5. Flavio Spina

    Oi Rafael, tudo bem?
    Sobre o sabonete biodegradável, vc sabe onde encontrar, ou alguma marca específica? Eu procurei em algumas farmácias, e o que me disseram é que tinha sabonete com base de glicerina, mas não souberam me informar direito se é biodegradável ou não, e nas embalagens não dizia nada…
    Obrigado

    Reply
  6. Fábio Caetano

    Olá, estou programando a viagem ao Monte Roraima para o mês de Julho. O problema é que não tenho tanto tempo disponível. Gostaria de saber qual é o tempo mínimo para a subida ao monte?
    Obrigado.

    Reply
  7. Flávio Renato Capuruço

    Fala Rafa, blz de post. Parabéns!!! Estou indo em outubro conhecer esta maravilha da natureza. Gostaria de saber se é recomendável usar polainas para proteção contra cobras. A subida é forte mesmo? Estou treinando subida de escada no meu prédio. É um bom treino? Valeu!!!!

    Reply
  8. Cesar Candelori

    Olá Rafael? Como vai? Beleza?
    Parabéns por todas estas preciosas dicas as quais você cita em sua página. Cara, valeu mesmo!
    Estou pensando seriamente nesta ideia maravilhosa de estar fazendo esta viagem até ao monte Roraima afim de sentir a emoção única de estar num lugar considerado sagrado pela sua beleza e magnitude.
    Valeu as inúmeras dicas! Abraço!!!

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *